terça-feira, 5 de março de 2013

Couve de sete pés



Esta é a minha couve de estimação. Do seu pé principal brotaram sete ramificações e todas elas produzem folhas de couve, é o mesmo do que se tivesse plantado sete couves. Deve ser por influência da oliveira centenária que a protege.
Em tempo de crise em que quase  tudo diminui este é um belo exemplo para qualquer empregador, se tratar com respeito, dignidade e sinceridade, os seus trabalhadores, vão ver que eles produzem mais. É o que eu faço com esta couve.

3 comentários:

  1. O que fazemos com carinho, temos a compensadora resposta.
    abraços

    ResponderEliminar
  2. Há coisas estranhas que só a natureza conhece, mas é engraçada essa couve.
    O exemplo que dá é bastante pertinente.
    Cumprimentos

    João Gomes

    ResponderEliminar
  3. Ola viva
    Essa couve é galega ou "portuguesa" nunca percebi bem a diferença... ha as couves para o caldo verde e as outras que se comem no natal, penso que penca, tronchuda etc mas não sei se estas crescem em pé obrigado!

    ResponderEliminar